Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Princesa Sem Tiara

Blog pessoal, de alguém que pela escrita é apaixonada e à moda já há muito se rendeu!

29
Jan15

Salva pelo Panda!

 

 

 

Tinha uma prendinha que queria oferecer a um menino de três anos e não fazia a mínima ideia do que comprar. A verdade é que só desde que comecei a procurar esta semana - benditas horas de almoço - é que percebi o quão difícil é comprar algo acessível, interessante e útil para uma criança dessa idade. Pensei em brinquedos. Mas o seu interesse caía por terra, após o fascínio inicial. E se há altura complicada para oferecer roupa é esta, em que nas lojas já só encontrámos o que resta dos saldos e o pouco que já chegou da nova colecção. Restando pouquíssimas opções. Para melhorar tinha estipulado um orçamento reduzido. O que fez da minha procura, a verdadeira busca pela agulha no palheiro. Não pensei que seria tão difícil, pensava eu, enquanto corria a brinka e a imaginarium, depois das lojas de roupa já terem sido visitadas. Até que o Panda salvou o dia. Encontrei, esta mini biblioteca na bertrand, a um preço bem simpático e nem pensei duas vezes. O melhor veio depois. 

 

 

 

27
Jan15

SAG Awards em modo Bom!

img_386x605$2015_01_26_12_55_29_181021.jpg

Lupita Nyong'o em Elie Saab

 

 

26
Jan15

Chegaste bem Segunda!

1899891_1539856539569153_2267417922352018482_n.jpg

 

Se há dia que custa, é a segunda. Depois do fim de semana, sempre sem parar. A segunda é o dia que custa. A levantar, a decidir o que vestir, a pôr um sorriso e a chegar a boa-disposição. É o dia que invariavelmente, vejo os autocarros pelo caminho, da câmara lenta da rotina. E só entro na semana mais tarde. Como se o meu processador fosse de um computador bloqueado. Mas hoje foi diferente. A um despertar com sol de uma cidade colorida e calorosa, juntou-se a novidade de ver o blogue em destaque na plataforma do sapo. E que bom que foi receber assim este destaque, e esta segunda com um sorriso rasgado e uma boa disposição intensa. Ver o blogue a crescer é sentir-me de coração cheio. Pelo reconhecimento dado ao meu trabalho. Por cada novo seguidor que se junta. Pelo projecto que ganha vida e surpreende-me a mim, que não esperava. E só dá mais alento. Para querer fazer mais e melhor. 

 

 

23
Jan15

Bem Jogado Anjos!

Se andam esquecidas do S. Valentim, a Victoria Secret fez questão de nos lembrar. O lançamento do seu mais recente vídeo tem gerado o maior espanto, pela originalidade e dualidade de temas. Longe dos temas românticos e demasiado lamechas, as modelos da marca aparecem num campo de futebol americano só sendo reconhecidas quando é feito um touchdown. E assim com um vídeo se marcam não um, mas dois pontos. Sempre na linha da frente e com a estratégia bem planeada, as modelos na pele de jogadores, anunciam a Super Bowl, e marcam pontos com um final à medida. Do S. Valentim!

Well done, Angels!

 

22
Jan15

Baby, it's cold outside!#Black!

18ebcd0cb9ec4895ddfaee9f4c127512.jpg

 

18
Jan15

Detalhes!#1

 

Sem Título 1.png

Pulseira: Primark (antiga)

Brincos: Parfois (Saldos)

Relógio: Eletta

Óculos: Vogue

Lenço: Antigo 

 

Rendo-me aos detalhes. O cuidado da importância da sua escolha, na hora de nos vestirmos. Fazem deles as estrelas principais. E, não é por acaso, que são os mais elogiados. Estes, são os meus. De hoje e do costume. Numa exposição pessoal, apresento-me em detalhes do meu look. Os óculos, que deviam de ser a minha mais fiel companhia, acabam sempre por ficar em segundo plano. Já o relógio, seja ele qual for, faz parte de mim. Andar sem relógio, é como estar despida. Falta-me algo, na correria contra o tempo que por norma os dias revelam. O tempo, andava perdido e eu andei perdida nele. Numa batalha constante, assim foi esta semana. Sem saber o que dizer. Não quero escrever sem a paixão de quem escreve. Nem dar a este blogue e a quem o segue, menos do que aquilo que merecem. É preciso organizar. Pôr o tempo no seu lugar. Arrumar ideias e aglomerar pensamentos. E voltar em força. Com alma e paixão. Aqui estou! Obrigada a vocês desse lado.

Um beijinho, Princesa 

 

 

10
Jan15

Uma fibra imperceptível!

 

                           10678640_10154577960265416_1321184337185851164_n.j1555284_818181251573822_4957704769381395675_n.jpg

 E quando paro, para olhar no tempo, vejo quão forte é a mulher. Feita de uma fibra ainda hoje imperceptível. O coração sempre na boca, de uma sentimentalista, impede-a que seja de aço. E, os dramas que abraça, sempre de pé, retribuídos por um sorriso, não fazem dela maleável. É certo que não.  Até os saltos altos, são prova da força, de quem tanto faz, como se de provas de malabarismo se tratasse. A ambição escondida no olhar, fazem-na querer sempre mais. Onde não há tempo para um cansaço. E nas pausas, que nunca tira, acaba sempre por querer mais. O pequeno elogio é uma vitória, de quem faz de um corpo minúsculo uma armadura. Ele, que aguenta hormonas, lágrimas e sorrisos. Esforço, de quem o mundo quer conquistar. Guerreiras. Por um trabalho incessante, da profissional à mulher, o seu relógio não dá descanso. Carrega o mundo às costas e o peso do mundo nos ombros. Só assim ela sabe amar. E, no fim do dia, mesmo quando a tristeza bate à porta, ela sorri. Num sorriso sereno, de quem já tanto fez mas com a certeza que no caminho que segue, ainda há muito por percorrer

1555339_745937635484029_157000004423207141_n.jpg

 

07
Jan15

Que mundo é este?!

10906476_10153033038044600_3108660071069548453_n.j

 

 Dei por mim ao final do dia pela internet a tentar perceber o que aconteceu. O porquê do hastag "je suis Charlie". E cheguei ao fim sem perceber. Como é possível que isto aconteça, nos dias de hoje. Aqui, mesmo ao lado. Vivemos 2014 a ver as notícias com um nó no coração pelos que sofrem diariamente com ataques constantes como na Síria. E do nada, somos confrontados por um, tão perto. Movido por uma religião que instiga ataques bárbaros que jamais compreenderei. Só sei o quanto é triste que uma crença instiga a actos tão cruéis e cause tantas inocentes mortes. E a liberdade de imprensa que atacaram entristece pela liberdade de expressão que cada um luta diariamente por ser ouvida!

07
Jan15

Entre Cortes e Costuras!

img_386x605$2015_01_06_16_25_44_177805.jpg

 

Já lá vão os tempos em que olhar para as criações de Jeremy Scott deixavam-nos com água na boca, pelas bolsas de happy meal ou os telemóveis com batatas fritas que apeteciam comer. E as memórias de infância do Sponge Bob à Barbie, já são como o Macdonald's, águas passadas. Se em tempos a Moschino sorriu literalmente, numa colecção cápsula cujo ícone presente nas suas roupas foi o smile, engane-se quem pense que Jeremy Scott já não tinha mais pano para mangas. A poucos dias da apresentação das suas propostas de 2015 para a Moschino, Jeremy voltou a surpreender tudo e todos, ao fazer as suas estrelas de peças da sua colecção, nada mais nada menos do que, a fita de medição, a tesoura e até o ferro. O atelier de costura foi a inspiração, para mais uma apresentação brilhante do designer, que entre medições engomadelas, cortes e esboços, deu vida a uma colecção presente como inacabada, propositadamente pensada ao pormenor.

Numa exposição onde nem a etiqueta foi esquecida, aí daquele que diga, feito na china.

Está lá, mesmo à frente, é na Itália. 

05
Jan15

De um novo ano!

E já lá vão 4 páginas de um livro que conta com 365. Faltam 361, é verdade. E um já vai a meio. As resoluções que em tom de cliché nem nelas ia pensar, dei por mim ontem com tantos propósitos a invadir-me o pensamento. Das coisas pessoais às casuais, a verdade é que não as espero do ano, mas de mim. A casa dos 20, já por quase três ultrapassada, e o ano intenso que já lá foi, com tantas lições e experiências, dão-me hoje outros olhos para olhar para 2015. Divido o calendário, por fases e épocas e os objectivos por etapas. Há os que já cá andam há anos, o malvado do exercício que a preguiça teima em não concretizar e a alimentação saudável que os doces vão logo desgraçar. Mas cada vez mais presentes, a vontade de cuidar de mim tem falado cada vez mais ALTO. Até porque lembrar-me só quando chega o verão, já deu o que tinha a dar. Quero viajar. E por em prática, as aventuras que percorro em pensamentos. Há tanto para descobrir e eu aqui desejosa que conhecer, que este tem de ser o ano. Perder os medos. O medo de conduzir, é dos principais. Que o ganhei pelo desleixo de não precisar e hoje vejo a minha independência limitada. Eu, que não gosto de pedir favores nem tão pouco habituar-me a rotinas. Será para muitos um pequeno passo, mas para mim uma grande conquista. Looks. Está na hora de continuar o caminho deste blog. Que as conquistas que tiveste em 2014, foram para mim enormes surpresas. Quero elevá-lo e olha-lo com outro visual. Pelos visuais que eu adoro construir e dos looks que adoro brincar, onde tudo é possível de fazer acontecer. Objectivos. Quero manter viva esta ambição fugaz e determinada que me consome e não me deixa parar. Estudar, é opção. E está na hora de abraçar com todo o esforço esta nova e tão boa fase profissional. Investir. Em mim, nos outros, na vida, em experiências. Quero um dia olhar para este ano, e não vê-lo como mais um, mas como um. Que teve marcos e conquistas e que as derrotas que traga sirvam de lições para o que virá.

55bca6f316a16b9eeeb77f30b9661992.jpg

"Makes it happen!

Pág. 1/2